Quarentena: Dá pra viver o skate ficando em casa?

Passamos por um momento incrivelmente bizarro e novo. Quem diria que em 2020 estaríamos no meio de uma pandemia em que teríamos que mudar nossas rotinas para não aumentar seus riscos por aí?

 

Mas fato é que o Corona Vírus mudou a forma como muitos de nós vivem e enxergam o mundo. Por mais elitista que sejam as mudanças (home office não é pra todo mundo e a periferia sofre mais ainda), muita coisa a gente tem que modificar nas nossas atitudes rotineiras.

 

Mas falando de skate, o que muda pra nós? Já que é uma atividade para se fazer “sozinho”, dá pra continuar saindo na rua para ir andar?

 

A resposta é simples: poder você pode, mas melhor não.

 

Beleza, você não faz parte do grupo de risco e sua saúde está em dia. Mas não dá para saber quem você vai encontrar pelo caminho até seu pico preferido ou quais dos seus amigos e companhias de sessão estão com o maledeto.

 

E aí a sua ida pra sessão pode afetar pessoas que nem de skate andam, mas que precisam da sua compreensão: se o grupo de risco são pessoas mais velhas, pense nas pessoas próximas,  conhecidos, familiares e espere uns dias para ir andar.

 

Segundo o Governo do Estado de São Paulo, a recomendação é para evitar transitar em meio a um grande grupo de pessoas. “Para reduzir as chances de transmissão pelo contato com secreções, a orientação é não permanecer perto de um grande número de pessoas. A medida vale para cidadãos de qualquer faixa etária – assim, neste momento, também representa uma decisão importante evitar locais como clubes, piscinas, praias, bares e casas noturnas.”

 

O texto acima não fala de pistas ou parques, mas é sempre bom evitar. Afinal, a maioria de nós vai de transporte público para os picos de skate, então acaba ficando fechado parte do diae em contato direto com outras pessoas.

 

Novamente, recomendamos dar um tempo das sessões, afinal, não tem desculpa, nem se fosse atleta olímpico. Porque se você fosse para as Olimpíadas (que nem sabemos se vai acontecer), você teria um pico fechado para treinar porque você já está bem boy.

 

Mas então, como consumir skate ou viver o skate de alguma forma estando dentro de casa? Tem uma par de jeito, você vai ver:

 

1 – Ainda bem que existe um moooonte de vídeo de skate pra assistir. Seja zerando a coleção de vídeos que você tem ou entrando todo dia nos sites pra ver se colocam filme novo, você pode botar em dia seu conhecimento filmográfico de skate. Dá até pra notar detalhes que ninguém percebeu dos vídeos mais famosos e ser um nerd do skate nos forums por aí.

 

2 – Têm os brinquedos também. Dá pra reviver aquele skate de dedo da juventude (ou da vida adulta, assim como o meu que piro nisso até hoje) ou para jogar o Tony Hawk ou SKATE no videogame. Não é a mesma sensação que ir dar uma remada, mas dá pra dar algumas manobras por enquanto.

 

3 – Bote os artigos que falam de skate em dia. Ou seja, more uns dias aqui no site do Trocando Manobras e veja todo conteúdo que já produzimos. Não só aqui, mas acesse também o site da Cemporcento SKATE e outros que trazem ótimos artigos do mundo do skate e saiba o que nossos jornalistas e especialistas estão falando sobre a atividade que amamos.

 

4 – Vá atrás de materiais ricos do skate. Como já falamos anteriormente, o skate brasileiro tem uma cultura riquíssima em livros, documentários e artigos acadêmicos. Esses “materiais ricos” são fruto de muita pesquisa e dedicação de uma parte importantíssima de estudantes e professores que levam o skate para suas produções, sejam acadêmicas ou artísticas. (Abuse dos hiperlinks desse parágrafo!)

 

WhatsApp Image 2020-03-20 at 21.21.36 (1)

 

5 – Se for comprar peça de skate, use lojas online mas prefira comprar em uma marca ou em uma skateshop que também tenha um trampo na web. Afinal, para você não sair de casa, procure comprar de lojas que precisam, mais do que nunca, do seu apoio. As skateshops que tem serviço online, têm em seu catálogo, o que você pode precisar quando puder sair pra andar de skate. Mas tenha em mente que eles também estão participando da quarentena, ou seja, o período de entrega pode ser maior. Seja compreensivo.

 

6 – Tome um tempo pra se divertir editando seus vídeos caseiros. Tudo bem que você talvez não seja videomaker ou editor, mas temos certeza que você tem um monte de vídeo no seu celular que ficaria legal em uma ediçãozinha para o instagram ou outra plataforma. Use da sua criatividade e suba seu vídeo com a hashtag #TMeditchallenge para repostarmos nas redes sociais!

 

 

Sabemos que o skate vicia e o quanto é difícil ficar sem andar. A gente aqui também está sofrendo com isso. Mas é hora de pensarmos além da nossa sessãozinha cansada e adorada. É hora de pensar em pessoas que precisam da nossa ajuda e da nossa conscientização.

 

E, ah: ficar em casa sem, necessariamente, consumir skate também pode ser legal! Tire esse tempo para estudar coisas diferentes ou, se preferir, para zerar as suas séries favoritas. Aproveite também para tocar seu instrumento preferido, desenhar, jogar videogame etc. Tem bastante coisa pra fazer. AH, E, PRINCIPALMENTE, AJUDE SUA MÃE A LIMPAR A CASA.

 

Essa quarentena do Corona Vírus tem um tempo indeterminado por enquanto. Mas você não vai morrer por deixar de andar de skate nesses dias. Se o skate é uma atividade pra se fazer sozinho, nunca precisou ser tão coletivo quanto agora.

 

WhatsApp Image 2020-03-20 at 21.21.36 (2)

 

 

Todas as artes deste artigo foram feitas por Mateus Gomes aka @ma_rujo.

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: