Ode às skateshops

o olho brilha, a vontade aumenta
o coração acelera e uma sensação boa invade o corpo
é isso, estou em casa.

a princípio pode ser hostil
pode ser diferente e fechado
mas com o tempo, é pra todo mundo.

para muitos, a primeira parada do dia.
para outros, a parada necessária no meio da sessão.
para os demais, os rolês tem que terminar nela.

foi numa delas que ouvi pela primeira vez minha banda favorita
que vi o vídeo que mais gosto
e que li a revista que ia ditar meus gostos até hoje

foi numa delas que aprendi como fazer meus rolês serem ainda mais legais
com dicas de pessoas que gostavam de skate tanto quanto eu
e que me ajudaram a gostar ainda mais de skate e dessas pessoas

é o local em que um sofá se torna casa
em que o aperto se torna espaço
e que as risadas se tornam diárias

é onde os vídeos se tornam cinemas
as premières se tornam festas
e as festas se tornam eternas nas mentes de quem as viveram

é a mão que ajuda, que ensina e que alia
é o palquinho na rua que ensinar o primeiro krooked
é a paciência de ensinar para te ver ensinando no futuro

tão necessária pra cena local se tornar mais forte
e pra que essa força faça skatistas serem mais do que locais
sem perderem a essência do local de onde vieram

obrigado, skateshops
por serem o refúgio
por serem o porto-seguro
por serem resistência.

Foto: JenkemMag

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: