Transworld Perpetual Motion 25: Uma review cretina.

Eu estava louco pra ver esse vídeo, desde quando saíram as primeiras imagens de teaser. Silas Baxter Neal, Julian Davidson, Jimmy Carlin, Josh Matthews, Walker Ryan e Tom Remillard tem partes, isso me fez querer ver muito! Principalmente as partes do Silas e do Josh Matthews.

Vamos lá. Começou. Intro. Mil logos dos patrocinadores, isso nunca vai mudar, né? Normal. Time lapses pra todos os gostos. É engraçado, os caras botam 20 minutos de time lapse antes da primeira manobra, eles da Transworld são mó artisticozinhos. Jimmy Carlin dando um hardflip, que novidade, nossa! Silas Baxter, Smith de back num pneu: WTF!!! Esse maluco é muito cabreiro. O resto é time lapse e manobrinha. É 2013 e os caras ainda usam sunburst (é assim mesmo que chama?) em transição de imagem? Acho que a Olho de peixe já esgotou o estoque de uso no skate… hehe, brincadeira. Música da intro? Meia boca, tá mais pra música de tour no midwest ou em Texas.

 HAHAAHAHHA 03:11, Josh Matthews deixa o board cair no vão e o skate volta pra mão dele. Foi tipo montagem de celular quando você pausa e recomeça no meio da filmagem.

Primeira parte: Walker Ryan. Qualquer um desses caras podia abrir, menos o Jimmy Carlin que é chato pra caralho. Mas eu gostei que tenha sido o Walker Ryan, ele é bom! Que música parada… Parece que estou assistindo Shaft em vez de um vídeo de skate. Switch heel pulando o vão redondo foi naipe, second angle mó bonito!  Ele é da C1rca né? Essa marca é estranha… Parece uma marca que já faliu, mas continua na ativa. O time dos caras é bom! Mas tem uma mídia fraca, se falisse eu não ia achar estranho.

A música deixa a parte maior do que ela é, não acaba nunca. Ah, abaixou o som, acho que é a manobra final: nosewheelie nollie flip out lá na Court House. Sinistro! “Woooowww” em câmera lenta, típico.

Segunda parte: Jimmy Carlin. Ah, não, esse cara fazendo graça de novo não. Será que ninguém percebeu o quanto isso já ficou chato? Ele é mais conhecido por ser tonto do que pelo skate, se for pra pensar. Ele anda muito, mas toda parte dele tem uma mini-intro dele sendo bizarro. Aí do nada na parte tem umas caras dele meio tristão. Qual que é a desse cara? Ahahahha!

Fifty flip nosewheelie em cima. Wow! Legal! Criativo, gostei! Ele é bom em heelflips. Eu não. Foda-se. Flip tailmanny wallride, dahora! Ah, ops, não foi ele…………………..

Impressionante como os caras dão todas nesse monumento de guerra nos EUA né? Caralho, o negócio não é tão pequeno, mas eles dão TODAS pulando aquela mureta. Mais uma parte que termina com uma manobra no Love Park, na fonte. Legal, mais uma pra lista, hardflip. Check! Ah, que musiquinha chata também hein? Esse vídeo tá dando sono na trilha sonora.

Terceira parte: Tom Remillard. Acho dahora esses moleques que são bom pra caralho em bowl e andam na rua também. Opa, um heavy metal, acordei! O que eu perdi? Ah, uma parte com imagem filmada em pista? É justo, onde você vai achar umas transições que nem essas na rua? Complicado. Muitos picos DYI, isso é muito legal!

Wallride 360 no ditch foi legal. Esse moleque tem um estilo bonito, esses tênis brancos são bacanas, acho que vou pegar um. Ou não. Fifty 360 out em Barça foi foda! Não é todo streeteiro que dá essa.  Gostei pra caralho da parte, a última manobra foi insana. A Expedition One fez um bom negócio trazendo esse moleque para o time.

Montagem de amigos: dahora que botam todos os caras da Sk8mafia e fazem tipo uma mini-parte deles, já é o terceiro ou quarto vídeo que fazem isso! Haha, dahora!  Fora isso, um monte de cara que não conheço, imagem já vista do Gino Iannucci, Bert Wootton sendo cabreiro como sempre, uns caras mostrando as meias, Chris Haslam com a mesma toca de 15 vídeos atrás…  Nick Boserio 360 flip: WOW!

Quarta parte: Josh Matthews. Ae! Estava esperando essa parte faz um tempo, já. Ele tem um estilo muito legal de se ver, sou fã. Música alegrinha. Fakie fifty to backside fifty 180 out, que style! Essa borda tá recebendo tratamento diferenciado, ultimamente temos visto várias manobras criativas nela. Feeble de back, Second angle e de repente SAIU A RODA! Vai ter que refazer a rosca, hein? Hahaha

Front Blunt to fifty back 180 out, muito style também. Criatividade a mil! Última: flip crooked. É, legal, mas o pico deve ser muito cabreiro pra ser última manobra… Mais uma comemoração em slow motion. Josh Matthews é banguela. Prefiro a parte dele do Business as Usual, da Think. Música e parte mais legais que essa.

Penúltima parte: Silas! Eu estava ansioso para ver essa parte principalmente por causa do fifty to fifty em 2 corrimãos seguidos, DESCENDO. Essa manobra foi capa da Transworld e isso me deixou na vontade de ver isso em vídeo.

Começa a parte com uns capotes. Sem som. PORRA, MAIS UMA MUSIQUINHA DE VIOLÃO. Enfim, o Silas é muito foda. Ele é daqueles que anda bem em tudo e tem manobra na manga pra todos os picos. WOW, Wallie na estátua de um tigre! Que dahora! Back Blunt to back noseblunt “a la” Marc Jonhson. Última manobra: 50 to 50. Animal! Eu tinha visto uns capotes das tentativas, mas o acerto é realmente impressionante, coisa de videogame. Dahora! Opa, não acabou, não. Meu deus! Nem vou falar, essa fica pra quem for ver o vídeo. Não falei que ele andava em tudo? Eu falei!

Última parte: Julian Davidson. Ele é primo do Nick Garcia, né? Família está bem servida, e a Element também! Mais uma parte que começa com capote. Gostei da música! O vocalista começa chorando? Hahahaha que bizarro, mas a música é boa! A Converse está com um puta time, hein? Caramba!

Gostei muito da parte, muito mesmo. Esse moleque anda demais! Último flip foi absurdo, essa double set é MUITO gigante. Abraçou todo mundo, deu pra ver que realmente significou muito pra ele acertar essa manobra. Style!

Minha opinião: acho que a última parte devia ser do Silas Baxter-Neal. Por ele estar no game faz tempo e pela última manobra. MAS, SEM CHORO!

Créditos, mais time-lapses e mais paisagens. Outro bom vídeo de Chris Thiessen e Jon Holland. Os Transworld nunca falham, né? Sempre são interessantes de assistir. E eles estão soltando vídeo que nem louco, faz quanto tempo que soltaram o último, o Cinematographer’s Project? Menos de um ano, né? Haja imagem! Mas vale a pena ver todos!

Uma coisa que ficou clara pra mim é que escolheram as músicas desse vídeo no meio de uma pescaria. A maioria das músicas é violão/voz/batidinha de midwest americano. Música mais legal é a do Julian, combinou bem com o style dele e deu um ar dramático pra parte,  o que ficou bonito!

Bom, obrigado por ter lido até aqui. Veja o vídeo, é bem legal! See ya!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: